Viagem a Barbados sem visto americano. Chegue na ilha sem passar por Miami


Não é fácil chegar ao paraíso sem passar pelas Américas no Norte, via Miami, que fique registrado. Tem visto americano? Vá para Barbados voando American Airlines. Aproveite e faça um stopover in Miami para desfrutar da cidade e, mais que tudo, fazer compras!..mas deixe para a volta.

Lembre-se que para fazer uma conexão ou qualquer minuto no vizinho norte americano, é preciso tirar o visto, ainda que de trânsito. E olhem, ainda assim eles vão fazer sabatina minuciosa no aeroporto sobre a sua viagem para uma ilha que não pertence a eles.

Como somos brasileiros não desistimos nunca - dizem o ditado popular, mas não sei se é idade, eu ando desanimada de tudo. O bicha difícil que é essa tal vida, hein? 

Força na peruca, arrume as malas e vamos para Barbados sem visto americano. 

point de kite surf e windsurf

Mas como? Com certeza há vários caminhos, mais longos e caros, mas você chega e ainda curte outros lugares nesse roda-roda de voos até desembarcar na ilha.

Primeiro e mais fácil: Via Panamá. 

A Copa Airlines voa para a cidade do Panamá (brasileiro não precisa de visto para o Panamá). Compre seu voo para Port of Spain (use o stopover para sair mais em conta) e fique por uns dias em Panamá para aproveitar a cidade e conhecer suas praias. Dizem que são paradisíacas. To louca para conhecer, mas ainda me falta grana.

Da Cidade do Panamá voe para Port of Spain (brasileiros nao precisam de visto) com a Copa. Se não tiveres muito tempo para gastar, compre sua passagem direto para Port of Spain sem stopover ou mesmo conexões longas.  Como seu ponto final com a COPA AIRLINES é Port of Spain, desfrute e a conheça, pois o voo que parte de lá é com outra companhia aérea.

Aproveitou Port of Spain? Hora de chegar ao destino final - Barbados. A empresa Caribbean Airlines tem voos diretos. Duração 55 minutos. O preço é salgado, em torno de 265. $ dólares.  

Para os mais animados e que queiram se aventurar, a empresa AZUL e Surinam Airways te levam até Caiena, Guyana Francesa. Nesse pais vizinho há necessidade de tirar VISTO antes da viagem e com toda aquela burocracia que se perde o tesão de viajar. De Caiena para se chegar a Barbados há vários trechos com paradas, o que torna desanimador, a não ser que a intenção do viajante seja aproveitar em uma viagem para conhecer vários locais.

No caso, de Caiena (GF) voa-se para Port of Spain fazendo conexão em Paramaribo com a empresa Surinam Airways. Na sequência, para voar até Barbados, de P. S (POS - Trinidad and Tobago), vá pela Caribbean Airlines.

De todas as rodadas, o jeito mais fácil de se chegar em Port of Spain do Brasil é pela Copa e saindo do Rio de Janeiro, pois o preço é melhor que de SP.

Minha experiência no passado: voava para Boa Vista, Roraima, que tinha 2 voos semanais para Guyana (essa não é a francesa, mas a ex colônia inglesa) via teco teco que quase morria de medo. De Guyana para Barbados via LIAT.  A LIAT possui vários voos entre as ilhas caribenhas. A empresa que voava até Guyana chamava META, mas foi extinta em 2012 - falei do dilema nesse post AQUI. Havia noticias que teria voos uma vez por semana com a empresa aérea INSEL AIR de Boa Vista para Guyana e Curação, mas no site não localizei o Brasil na lista. Eu não consegui achar empresa que faz voos para Guyana, mas se você chegar até esse país, os voos são frequentes para Barbados.

E ai te falo. Barbados, assim como várias ilhas caribenhas estão logo ali acima do norte brasileiro. Com menos de 3 horas de voo se chegaria em Barbados e por muito menos em outras ilhas saindo de Fortaleza, Belem ou Natal. Mas por que não temos vôos direto para o Caribe saindo do nordeste? Primeiro, desinteresse politico; depois é que o Brasil está quebrado mesmo e se julga o próprio Caribe pelo seu imenso litoral.

Nas minhas pesquisas esse é o trajeto mais em conta para se chegar em Barbados sem ter que pisar em solo americano. Lembre-se: entre as ilhas do caribe sempre tem voos, então se você consegue chegar em alguma de modo rápido e econômico, sem ter que pisar em solo americano, conta aqui pra gente o trajeto.

Revendo algumas fotos bateu saudades. Alguém me leva junto? Pode ser via Miami..rs
vista de um dos restaurantes do The Crane Resort 
Surfs Bay
e o por do sol gigante....
prainha ao fundo do mercado de peixe - OISTINS
Xoxo.

No comments:

Powered by Blogger.